20 de agosto de 2012

Saúde visita municípios para avaliar execução do Plano de Contingência de Combate à Dengue. Confira!

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) está visitando os 35 municípios paraibanos que foram contemplados com recursos financeiros adicionais do Ministério da Saúde destinados às ações de campo para o controle e a prevenção da dengue e que estão dentro do Plano de Contingência da doença.

Esse trabalho vem sendo realizado por um técnico da Gerência Operacional de Vigilância em Saúde Ambiental da SES.  Os recursos são da ordem de R$ 1.542.086,10 e foram liberados no final do ano passado.

A gerente operacional de Vigilância em Saúde Ambiental da SES, Djanira Lucena de Araújo, explicou que os técnicos, acompanhados de profissionais da Epidemiologia e da Atenção Básica das Regionais de Saúde, estão visitando todos os municípios para avaliar se as metas estabelecidas no Plano de Contingência da Dengue estão sendo cumpridas.

Além disso, eles estão tirando dúvidas e subsidiando os municípios com relação às dificuldades enfrentadas pelos gestores na execução do plano.

Djanira Lucena disse que esse trabalho de visitas deve terminar esta semana e até agora não foi diagnosticado qualquer problema com relação à execução do plano. Ao final, será feito um relatório que será enviado ao Ministério da Saúde. O documento irá subsidiar o órgão na avaliação das ações pactuadas pelos municípios.

Ela explicou que para ter direito aos recursos financeiros, além da elaboração do Plano de Contingência, os municípios também assinaram um termo de compromisso.  O montante foi liberado de acordo com a portaria ministerial nº 2.557/2011, que aprova as diretrizes para execução e financiamento destas ações. O plano inclui a qualificação das ações de prevenção e controle da doença.

O Plano de Contingência para a Dengue para atuação em 2012 foi formalmente elaborado, envolvendo os meses de janeiro, fevereiro, março, abril, maio, junho, julho, agosto e setembro.  Para a elaboração desse documento, a Secretaria de Estado da Saúde visitou e fez reuniões com esses municípios prestando assessoramento técnico.
Veja a relação dos municípios paraibanos contemplados com os recursos:

UF Município                         Valor (R$)

PB Bayeux         75.796,89
PB Bernardino Batista         1.487,12
PB Bom Sucesso 2.426,94
PB Brejo dos Santos 2.705,86
PB Cabedelo                 56.230,53
PB Cajazeiras                         35.527,18
PB Campina Grande         262.637,17
PB Carrapateira                 1.440,00
PB Catolé do Rocha         15.730,46
PB Caturité                         2.104,42
PB Conde                         19.175,64
PB Cuité                         12.528,04
PB Emas                         1.532,93
PB Guarabira                         30.356,08
PB João Pessoa                 704.735,79
PB Livramento                 3.454,40
PB Lucena                         11.515,37
PB Maturéia                         2.720,98
PB Montadas                         2.143,90
PB Monteiro                         19.254,97
PB Ouro Velho                 1.440,00
PB Parari                         1.920,00
PB Patos                         59.709,18
PB Piancó                         9.749,28
PB Prata                         1.832,46
PB Quixabá                         1.920,00
PB Riacho dos Cavalos         3.794,53
PB Santa Cruz                 3.052,11
PB Santa Rita         137.839,59
PB São José da Lagoa     3.677,28
PB São José do Sabugi         1.876,88
PB Sertãozinho                 2.940,85
PB Sousa                         40.947,96
PB Teixeira                      6.441,31
PB Zabelê                         1.440,00

TOTAL                                     1.542.086,10

Ascom PB | Edição Matureia1.com