12 de julho de 2012

Seis Municípios da Paraíba Têm Chapa Única na Disputa pela Prefeitura. Confira!

Enquanto a disputa pelas prefeituras municipais chegam a ter oito candidatos em Bayeux e sete em João Pessoa e Campina Grande, em seis municípios do Interior paraibano, os eleitores não terão muitas dúvidas quanto ao voto. 

As cidades de Aguiar, Camalaú, Curral Velho, Juarez Távora, Poço Dantas e São Domingos de Pombal tem apenas um candidato registrado até a noite de ontem, segundo o Sistema de Divulgação de Registro de Candidaturas 2012 (DivulgaCand). Apesar da não ter disputa, eles estimam, ao todo, um gasto de R$ 550 mil com a campanha, para convencer os eleitores a votarem neles.

No município de Aguiar, o prefeito Manoel Batista Guedes Filho (PP), conhecido por Tintin, registrou a candidatura pela reeleição na coligação ‘União pelo Aguiar’, que inclui os partidos: PRB, PT, PMDB, PSC, PR, PPS, PSDC e PHS. Entre os bens, Tintin registrou uma casa e um automóvel, avaliados em R$ 152 mil. Ele estimou como limite de gastos durante a campanha, o valor de R$ 50 mil.

O prefeito de Camalau, Jacinto Bezerra da Silva (Democratas) tenta a reeleição pela coligação ‘Unidos por Camalaú’, que tem ainda os partidos PR, PSB, PRP e PSD. O patrimônio de Jacinto é de R$ 452 mil e inclui imóveis, uma propriedade rural, bois e cabras. Os gastos planejados para a campanha devem chegar aos R$ 150 mil.

Em Curral Velho, o vereador Joaquim Alves Barbosa Filho, o ‘Filhinho’ (PSDB) é o único candidato a prefeito. Ele disputa na coligação ‘Curral Velho para todos’, que conta ainda com o PTB, PMDB, DEM, PSD e PC do B. Filhinho limitou como gastos de campanha, a quantia de R$ 200 mil e declarou como patrimônio, uma caminhonete, um prédio comercial e dez vacas, avaliados em 85 mil.

O professor José Monteiro Teixeira (Psol), mas conhecido por ‘Dedinho’, é o candidato em Juarez Távora. Ele declarou bens de R$ 90 mil e estimou os gastos de campanha em R$ 50 mil. Em São Domingos de Pombal, quem se registrou para concorrer à prefeitura foi a servidora pública municipal Odaisa de Cássia Queiroga da Silva (PMDB). Ela lidera a coligação ‘São Domingos não pode parar’, formada pelo PMDB e PP. Na campanha, Odaisa estimou gastos em torno de R$ 20 mil. Ela não declarou bens.

Em Poço Dantas, o candidato é o agricultor José Gurgel Sobrinho, mais conhecido por Dedé Cândido, do PSB. Ele faz parte da coligação ‘Poço Dantas cada vez melhor’, que inclui ainda o PT e o PMDB. Dedé declarou como bens, um veículo e uma casa, avaliados em R$ 72 mil e estimou como gastos de campanha, R$ 80 mil.

De acordo com o corregedor do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PB), Miguel de Britto Lyra Filho, os candidatos únicos em um município precisam ter o total de votos superior à soma dos votos brancos e nulos para serem eleitos. Caso seja inferior, é realizada uma nova eleição no município.

JornaldaParaíba | Edição Maturéia1