6 de julho de 2012

Esposa do Cobrador do Nacional, que Morreu na Famosa Curva de Neneco, Pede Indenização de Mais de 1 Milhão.

A esposa de Rafael Alves das Neves, cobrador do ônibus Nacional, que morreu no acidente na famosa curva de Neneco, está com um processo tramitando na 3ª Vara do Trabalho de Campina Grande, onde pede a indenização, por danos morais de R$ 1.004.502,73. 

O acidente ocorreu no dia 06 de fevereiro desse ano quando o motorista do coletivo perdeu o controle e capotou à cerca de cinco quilômetros de Maturéia deixando varias pessoas feridas e duas vitimas fatais. Veja a matéria do acidente.

Rosilene Caetano da Silva e Ruanderson da Silva Alves, esposa e filho de Rafael, entraram com uma ação de Indenização na justiça trabalhista por Danos Morais e Materiais. A primeira audiência já foi realizada e uma segunda, de instrução e julgamento, está marcada para o dia 26 de julho às 14h15. “Esperamos que a justiça seja feita” disse o advogado da vítima, Tarcísio Alves Firmino Filho.

Para defesa a empresa, a A. Cândido e CIA LTDA contratou o advogado Severino do Ramo Pinheiro Brasil.

Joel Marks | Agua Branca em Foco | Edição Maturéia1