9 de novembro de 2012

Polícia prende Rodolfo Sinfrônio e encerra caso do sequestro da irmã de Hulk

A Polícia Civil de Campina Grande concluiu no final da tarde desta quinta-feira (8), o caso do sequestro da irmã do atacante Hulk, Angélica Aparecida Vieira de Sousa, 22 anos, após interrogar e cumprir o Mandato de Prisão Preventiva contra o último acusado de participação do crime.

Rodolfo Bruno dos Santos, conhecido como Rodolfo Sifrônio, foi apresentado pela Polícia Civil nesta quarta-feira (7), como um dos idealizadores do sequestro ocorrido na última segunda-feira (5). Sua prisão não havia sido efetivada anteriormente, pois as autoridades policiais aguardavam a expedição do mandado do juízo criminal de Campina Grande.

O acusado concorreu no pleito municipal 2012, a uma vaga na Câmara Municipal de Campina Grande, pelo PSD. A participação de Rodolfo no crime chocou a sociedade campinense, tendo em vista, o renome que possui diante dos meios político e social.

Segundo a Polícia, o sequestro de Angélica Aparecida foi planejado pelo ex-candidato a vereador, para pagamento de dívidas da campanha eleitoral, e pelo empresário Hélio Pereira da Silva, 51, dono do restaurante em que a vítima estagiava como nutricionista. Os outros dois acusados foram identificados como Victor Hugo Henrique da Silva, 20 anos, e José Eliton de Melo Santos, 28 anos. Eles também foram detidos e vão responder por extorsão mediante sequestro.

Portal Correio | Edição Matureia1.com