15 de novembro de 2012

Missa de 7º dia de Marcos Paulo será na próxima segunda.

Antônia Fontenelle, viúva de Marcos Paulo, usou sua conta no Twitter nesta quinta-feira (15) para avisar seus seguidores que a missa de sétimo dia do ator e diretor será na próxima segunda (19), às 18h30, na Igreja Nossa Senhora da Paz, em Ipanema, bairro localizado no Rio de Janeiro (RJ).

“Sintam-se convidados. Ele certamente vai ficar muito feliz em vê-los comigo nesse momento tão difícil e solitário. Bom feriado”, escreveu Antônia no microblog. Marcos Paulo morreu no dia 11 de novembro, vítima de uma embolia pulmonar, após a luta contra um câncer no esôfago, detectado em maio do ano passado.

Batalha

O ator descobriu a doença durante um exame de rotina e em agosto de 2011 foi submetido a uma cirurgia que se prolongou por dez horas no Hospital São José, em São Paulo. Depois realizou sessões de quimioterapia e radioterapia. Otimista e tentando não se deixar abater pela doença, ele não gostava de dar entrevistas sobre o assunto e manteve o ritmo de trabalho. Concluiu o filme Assalto ao Banco Central, sua primeira experiência como diretor de cinema, em meio ao drama do combate ao câncer. O filme estreou em 22 de julho de 2011.

"Não consegui fazer drama em cima disso. Resolvi que não ia ficar me escondendo porque câncer não é uma vergonha. É só mais uma batalha, e não é essa que vai me derrubar", disse, em entrevista à revista Época. Há três semanas, ele havia se submetido a exames que mostraram total remissão do câncer. Foi o quarto exame após a cirurgia, e o resultado levou o ator e diretor a concluir que a doença havia sido vencida. Segundo nota do Hospital São José, no Rio, estava tudo sob controle.

Pai de três filhas (Vanessa, com a modelo Tina Serina; Mariana, com Renata Sorrah; e Giulia, com Flávia Alessandra), Marcos Paulo era constantemente fotografado por paparazzi na praia da Barra da Tijuca caminhando com a mulher, Antonia Fontenelle, e aparentava ter recuperado o peso perdido durante o ano passado, por conta do tratamento. Em uma entrevista recente, disse que sua vida era "absolutamente normal".

Com a mulher, que permanecera ao seu lado durante todo o tratamento, Marcos Paulo trabalhava na produção do que marcaria seu segundo filme como diretor. Segundo ele, Sequestrados seria um "thriller policial", com cenas gravadas no Amazonas. O elenco teria Lima Duarte, Milhem Cortaz, Fábio Lago, Vinícius de Oliveira e Eriberto Leão.

Estadão | Edição Matureia1.com